INTEIRO PELO MEIO – Conheça o programa de educação ambiental realizado no Tribunal

07:30 | 16 de janeiro de 2020




DA CASA - A coleta seletiva realizada no Tribunal, toda sexta-feira, é parte do programa Inteiro pelo Meio, uma ação de educação ambiental do Espaço Nassar, associação sem fins lucrativos mantida por voluntários. O material coletado é proveniente das residências de magistrados e servidores, que fazem a entrega semanalmente, das 7h às 9h, na entrada de serviços do complexo-sede.

A ação, que antes era chamada de ‘Verde Vivo’, recolhe materiais recicláveis como papel, papelão, vidro, garrafas pet, plásticos, metais, latinhas, embalagem tetra pak, esponjas de louça e óleo de cozinha usado. Os materiais são encaminhados ao reaproveitamento ou à reciclagem.

A instalação de um ponto fixo de coleta no Tribunal em 2017 ajudou a solidificar a cultura da reciclagem entre o público interno, segundo o voluntário do Nassar Cedier Nogueira. “O Inteiro pelo Meio é um projeto de educação ambiental que visa conscientizar os cidadãos sobre a importância da preservação ambiental e do respeito ao próximo. Também busca gerar renda para algumas pessoas”.

A coleta no Tribunal sempre foi realizada de forma gratuita, no entanto, possui um custo de manutenção que hoje é suportado pelos voluntários do Espaço Nassar. De acordo com Cedier, são despesas como combustível, manutenção do veículo e o valor pago para descartar o vidro de forma correta, já que algumas vezes esse material precisa ser enviado para outro estado.

Segundo a chefe da Seção de Gestão Socioambiental do Tribunal, Natália Pansonato, não há qualquer repasse financeiro por parte do Tribunal e nem pode haver. “Não existe fundamento jurídico para tal despesa, principalmente porque a coleta seletiva é uma obrigação do Município”, explica.

Pansonato lembra que existem vários locais para entrega de recicláveis em Cuiabá e Várzea Grande e que a parceria com o Nassar traz mais conforto à magistrados e servidores. “O projeto traz comodidade àqueles que desejam destinar corretamente seus resíduos, já que não é preciso se deslocar para diferentes locais, às vezes muito longe de casa. Basta trazer para o local de trabalho”, destaca.

Pesquisa

Qualquer projeto ambiental precisa ser sustentável, inclusive no aspecto financeiro. Para garantir a continuidade da ação no Tribunal, a Seção de Gestão Socioambiental lançou uma pesquisa com o objetivo de verificar a disposição de magistrados e servidores em contribuir voluntariamente com recursos financeiros.

A identificação pessoal na pesquisa é opcional. Para acessá-la, basta clicar no link: https://forms.gle/ERjZrZZZwCk4qagG6

Participe!

 

Comentários


+ Notícias

Feriado Regimental - Dia do Magistrado e Dia do Advogado são comemorados nesta terça-feira

DA CASA - Em razão do Dia do Magistrado e do Dia do Advogado, ambos comemorados em 11...

10 de agosto de 2020


ELEIÇÃO - Comissão de Acessibilidade e Inclusão convida para votação

DA CASA - A Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão convida a todos para participarem da...

10 de agosto de 2020


NOTA DE PESAR - Mãe do servidor Edilson Guimarães

DA CASA - Com pesar, comunicamos o falecimento de Ana Luíza Ferreira Guimarães, mãe do...

10 de agosto de 2020


Veja todos(as)

+ Da Casa