HOMENAGEM - Veja entrevista exclusiva que Dom Pedro concedeu ao Tribunal

08:00 | 12 de agosto de 2020




DA CASA - Latifúndio, trabalho escravo, luta pela dignidade e os embates com os ‘donos’ da terra. Esses e outros temas foram tratados por Dom Pedro Casaldáliga em entrevista concedida em São Félix do Araguaia à equipe da Comunicação Social do Tribunal.  O vídeo foi publicado no TRT Notícias esta semana e mostra um pouco da simplicidade e dos ideais do homem que ficou conhecido internacionalmente pelo seu trabalho em defesa dos direitos humanos.

A entrevista ocorreu em 2005 durante a implantação das Varas da Cidadania, projeto de inclusão social desenvolvido pelo Tribunal. A ação possibilitava a inclusão digital das pessoas, sobretudo, da população em situação de vulnerabilidade social. Em São Félix do Araguaia, município de instalação da prelazia de Dom Pedro Casaldáliga, índios Carajás também foram contemplados pelo projeto.

Durante a visita para a instalação do projeto social, o religioso conversou com os servidores do Tribunal e analisou as mudanças que atingiram a região onde residia desde a década de 70. “Aqui antes era um verdadeiro feudo e as pessoas achavam normal a violência, a opressão e a escravidão. Hoje existe mais consciência, mas ainda há muito a ser feito”, disse Dom Pedro à época.

O vídeo mostra as opiniões do bispo emérito de Alto Araguaia sobre o impotência da imprensa frente ao poder econômico, as perseguições da ditadura, período em que ele destaca a desconfiança das pessoas, além dos desafios com a igreja católica e os donos da terra.

A entrevista pode ser acompanhada na íntegra aqui

Histórico

Dom Pedro Casaldáliga faleceu no dia 08 de agosto de 2020. Seu enterro ocorre nesta quarta-feira (12), em Alto Araguaia, após a realização de três velório: em Batatais, interior de SP, em Ribeirão Cascalheira e no município onde será sepultado.

Dom Pedro nasceu na Espanha em 1928. Mudou-se para o Brasil em 1968.  Pertencente à congregação dos missionários claretianos, foi o primeiro bispo da Prelazia do município – a nomeação, em 1971, partiu do Papal Paulo VI. Dom Pedro Casaldáliga ocupou o ofício até 2005, quando renunciou.

Casaldáliga, ao lado de outros padres espanhóis, defendia povos indígenas, ameaçados pela violência dos conflitos agrários e pela expansão dos latifúndios na região. Foi agraciado, em 2000, com o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Além da atuação pastoral, ficou conhecido pela produção literária, tanto de poesias quanto de manifestos, artigos, cartas circulares e obras com cunho político ou de temas ligados a espiritualidade, publicadas no Brasil e no exterior.

 

 

Comentários

  • Por favor, revejam a data desta entrevista. Não foi no ano de 2005.

    ADEMAR ADAMS | 14 de agosto de 2020 | 

+ Notícias

MEMÓRIA JT - TRT Notícias publica fotos históricas da instituição

DA CASA - Em homenagem à Semana da Memória da Justiça do Trabalho, o TRT Notícias publica...

25 de setembro de 2020


“Precisamos rever quem somos e o que de fato nos faz felizes”, diz filósofa em palestra sobre o sentido da vida

DA CASA – "Quando a filosofia surgiu, a principal preocupação era buscar o sentido da...

25 de setembro de 2020


RETOMADA - Tribunal prepara itens a ser destinados às varas do interior na volta ao trabalho presencial

DA CASA - Em função da retomada dos trabalhos presenciais, que irá ocorrer a partir da próxima...

25 de setembro de 2020


Veja todos(as)

+ Da Casa